Como eliminar varizes?

É enorme o número de pessoas que sofrem com o problema das varizes nas pernas, especialmente as mulheres, em quem o quadro é muito mais comum.

O problema é comum em pessoas que trabalham muito tempo na mesma posição, que usam roupas que atrapalham a circulação sanguínea e que têm predisposição genética ao problema.

Quando o problema ainda se encontra em etapas iniciais, é mais fácil conseguir a diminuição dos sintomas e ainda prevenir o inchaço de novos vasos varicosos.

No entanto, assim como qualquer problema, as veias varicosas precisam receber o tratamento correto para que seja possível eliminá-las de uma vez por todas.

Então, veja algumas dicas que podem ajudar a combater o problema e melhorar a sua vida:

  1. Levante as pernas

As varizes são causadas pela dificuldade do sangue em retornar ao coração, causando o acúmulo de sangue em determinados locais dos vasos. O inchaço das pernas também é outro fator de risco.

Sendo assim, a dica é levantar as pernas acima do nível do coração por cerca de 20 minutos, de 3 a 4 vezes por dia.

  1. Controle do peso e alimentação preventiva

Exercícios físicos e uma alimentação saudável são excelentes medidas para resolver uma grande variedade de problemas de saúde. Assim, nada melhor do que incluir na dieta os alimentos ricos em vitamina C e E, que são ótimos antioxidantes.

Mais do que isso, aposte no consumo de fibras e tente evitar o excesso de peso, que pode ser outro fator associado a essa condição.

  1. Fitoterápicos

Estudos mostram que algumas ervas podem ter um efeito muito positivo frente os sintomas das insuficiências venosas, tais como câimbras, inchaço e também na síndrome das pernas inquietas.

Dentre eles, podemos citar a rutina e o extrato de semente de uva, bem como uma planta conhecida como gotu kola.

  1. Meias de compressão

O uso dessas meias no dia a dia pode ser mais útil que muitos tratamentos por aí, elas ajudam a comprimir as veias e músculos, possibilitando que o sangue flua melhor.

  1. Atividades físicas

A prática regular de atividades físicas pode ser a chave para o tratamento de diversos problemas de saúde, incluindo as varizes. Assim, especialmente nos casos mais iniciais, os exercícios podem ser uma ótima forma de prevenção.

Isso porque a movimentação do corpo ajuda a estimular a circulação do sangue para todo o corpo, eliminando os sintomas desagradáveis das varizes.

  1. Massagens

As massagens contribuem para a circulação do sangue no corpo, principalmente nas pernas, que é onde as varizes mais aparecem, principalmente se fizer isto usando alguma loção boa, o Varigold funciona perfeitamente para isto.

No entanto, o ideal é que sejam feitos movimentos suaves, evitando aplicar pressão diretamente em cima das veias inchadas, mas sim ao redor delas.

Como emagrecer amamentando

Depois do parto, não é incomum que a mulher sinta o desejo de emagrecer e voltar para o peso que tinha antes da gestação. Isso pode ser importante para a autoestima e também para aumentar a sensação de bem-esta consigo mesma.

No entanto, a primeira dica de todas é que você tenha paciência, afinal, o corpo passou nove meses em transformação para gerar a vida de em bebê e não vai voltar a ser o que era da noite para o dia.

Isso porque leva um tempo para que corpo se adapte novamente às mudanças hormonais, à falta do bebê no ventre e muito mais.

Vale lembrar ainda que não é aconselhável realizar dietas que sejam muito restritivas durante esse período, visto que pode prejudicar a amamentação, o uso de cuperine está liberado por ser um emagrecedor natural.

No entanto, existem algumas dicas muito importantes que você pode seguir a fim de aumentar o seu bem-estar e ajudar você a se sentir bem com sua imagem novamente, emagrecendo naturalmente depois do parto, sem que seja necessário fazer muito esforço.

Então, as dicas são as seguintes:

  1. Amamente muito

Cada vez mais se fala sobre amamentação sob livre demanda e isso pode ser algo vantajoso tanto para a mãe quanto para o bebê.

No entanto, a dica é escolher bem os alimentos que irão compor o seu prato diariamente. Isso porque, por um lado, amamentar ajuda a emagrecer, mas também aumenta a fome, sendo importante não exagerar nesse momento.

Fique sabendo que para produzir 750 ml de leite o organismo consome, ao menos, 700 calorias. Dessa forma, sem ter que correr uma maratona você pode emagrecer, embora isso também provoque fome.

Então, é importante cuidar das refeições para conseguir bons resultados e não engordar.

  1. Coma bem

Antes e depois de cada amamentação, é ideal comer algo como um iogurte ou um copo de suco natural, além de beber muita água o dia inteiro.

Fazer isso pode ajudar na produção do leite, além de manter o estomago cheio durante o dia e também a forme mais sob controle.

  1. Gaste calorias

Adotar o uso do sling ou do canguru também pode ser considerado uma atividade física, bem como passear com o carrinho do bebê, que ajuda a aumentar o gasto calórico e tonificar a região abdominal.

Isso também é ótimo para aumentar a sensação de bem-estar e sair um pouco da rotina inicial do bebê, que pode ser cansativa e prejudicial para a autoestima.

Mais do que isso, apenas 20 minutos de uma caminhada leve pode gastar 100 calorias.

Pronto, agora você já sabe como emagrecer amamentando!